Notícias

Conclusão da primeira turma de Mestrado em Educação.

publicado em 9 de dezembro de 2021

O Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGEDU) da URI, Câmpus de Frederico Westphalen, formou, na quarta-feira, 8, 27 novos mestres e mestras em Educação. O Minter do PPGEDU foi realizado em parceria com a Faculdade IBG, de Rondonópolis, no Mato Grosso, e a celebração aconteceu em conjunto às duas universidades envolvidas.
 
A primeira turma Minter do PPGEDU foi formada por 28 alunos que tiveram aulas presenciais e on-line a partir da pandemia, participaram de projetos de pesquisa e de extensão e desenvolveram dissertação sob a orientação de professores do programa. Destes, 27 concluíram com êxito a sua formação e já receberam o título de Mestres em Educação.
 
Durante a celebração de conclusão da pós-graduação, todos os concluintes puderam conhecer a URI como universidade comprometida com a formação qualificada, o PPGEDU como centro de excelência na formação humana e acadêmica e a Faculdade IBG como parceira comprometida com a formação de profissionais da região, com o atendimento às demandas de alunos e o cumprimento das exigências formais e acadêmicas para a realização do projeto. Por meio dos depoimentos dos agora egressos, foi ressaltada a parceria interinstitucional que possibilitou a democratização da pesquisa e da formação em nível de stricto sensu em lugares onde essa oportunidade é restrita.
 
A agora mestre em Educação, Erika Sete, de Primavera – MT, comenta o quanto o Mestrado lhe gratificou por ser a primeira da família a ter o diploma de mestre. “Os meus alunos da escola participaram da defesa, assim como minha família, e isso foi muito gratificante e me sinto muito emocionada. Agradeço a todos os professores do PPG e à orientadora, professora Luana Porto, que tiveram muita paciência durante a pandemia e foram maravilhosos”, frisa.
 
Segundo Márcio Câmara, de Ribeirãozinho – MT, a conclusão do mestrado foi um momento de muita alegria. “Me sinto muito feliz por ter concluído o Mestrado e por ser o primeiro professor de meu município a ter o título de Mestre. Estou fazendo história por isso, o que é motivo de muito orgulho para mim. Agradeço o trabalho da IBG, dos professores e a orientação da professora Silvia Canan ao longo da dissertação”, complementa.
 
Essa turma de estudantes foi formada por professores, técnico-administrativos em educação e profissionais liberais de outras áreas, como Direito, Ciências Contábeis, Psicologia e Administração e buscaram no Minter uma oportunidade de qualificação profissional, desenvolvimento acadêmico e pessoal e valorização social e financeira nos seus espaços de atuação. Reuniu profissionais de mais de 10 diferentes regiões do Mato Grosso, contemplando espaços distantes de Rondonópolis, sinalizando o interesse pelo Mestrado, pela pesquisa e mudança de suas realidades regionais via ações formativas.
 
A egressa e mestra Sílvia Regina de Oliveira, de Juína, que fica a mais de 1000km de Rondonópolis, testemunhou sua gratidão por poder desenvolver sua pesquisa e dissertação sobre o trabalho de funcionários da educação e sua atuação nos processos educativos escolares. “Encontrei na URI a linha de pesquisa que abraçou meu projeto. Passei em outros Mestrados, mas que não aceitavam temas associados a estudos de funcionários de escolas. A oportunidade que eu tive me emociona e gratifica muito”, agradece.
 
Segundo a coordenadora do PPGEDU, professora Luci Mary Duso Pacheco, a experiência de oferta da turma Minter de parceria entre URI e IBG entre 2019 e 2021 trouxe significativas vivências que fortaleceram a busca pelo conhecimento, a investigação e o aprofundamento teórico/empírico, essenciais para a construção da pesquisa e a formação do pesquisador. “Nesse ponto reitera-se a missão do PPGEDU em contribuir significativamente para a formação qualificada de Mestres em Educação na região geoeducacional de Mato Grosso e reafirma-se o propósito de continuar com essa missão na oferta de uma próxima turma”, comenta.
O diretor geral da Faculdade IBG, professor Juarez Orsolin, reafirma que essa parceria e projeto concluído é motivo de satisfação. “A iniciativa de ter trazido o projeto para o Mato Grosso também se deveu à oportunidade dada pela URI, e isso reafirma o nosso propósito de qualificação de recursos humanos e de profissionais da educação. O sentimento, ao concluir esse projeto da primeira turma, é de dever cumprido e de alcance do que foi projetado, o que se confirma pelos relatos de todos os alunos, que vivenciaram desafios pela pandemia e reconheceram a entrega e o comprometimento das duas instituições ao longo do percurso. Isso também corrobora a certeza de que a Faculdade IBG está contribuindo para o desenvolvimento regional. Por isso, também agradecemos a parceria com a URI, que será mantida e que assim possamos estender a oferta de educação e formação qualificada a mais pessoas da região”, afirma.

Fonte: http://www.fw.uri.br/site/noticia/6117/ppgedu-conclui-a-primeira-turma-minter